Diretora executiva da Abipti participou na Finep de reunião que debateu construção de parcerias

Últimas Notícias - Notícias

A diretora executiva da Abipti, Flaudemira Paula, participou na sede da Finep, no Rio de Janeiro, de reunião que teve como objetivo debater as adaptações necessárias e as novas iniciativas possíveis devido à regulamentação do Marco Legal para Ciência, Tecnologia e Inovação.

A iniciativa que envolveu representantes da Rede Nacional de Associações de Inovação (RENAI), contou também com as presenças de representantes da Anprotec e do Fortec, e cada instituição levou sua visão, demandas e ofertas para fortalecimento da atuação conjunta com a Finep diante do novo quadro.

Com uma nova abordagem e novas oportunidades para o fomento, a regulamentação foi considerada um grande progresso, mas que demandará um investimento na integração de todos os atores. “Para que os avanços se efetivem na realidade será preciso um trabalho atento, coletivo e transparente de todos os agentes do sistema”, disse Rodrigo Fonseca, superintendente da área de Planejamento da Finep.

O diretor de Planejamento e Gestão de Risco, Márcio Girão, viu esta reunião como um “trampolim para a reaproximação entre Finep e demais instituições do sistema de CT&I” e vê oportunidades para um reposicionamento da empresa. “Queremos tirar a Finep do balcão e criar e oferecer instrumentos de planejamento e inteligência”, disse. Girão citou trabalhos já em curso nesse sentido, como a metodologia de avaliação de resultados e impactos com foco além do financeiro, detectando os ganhos sociais das inovações apoiadas, e a criação de ferramentas de pesquisa em parceria com o CGEE para uso não só dos analistas, mas da sociedade em geral.

Já há um extenso plano de trabalho definido para atender às diversas necessidades advindas do novo marco, que vão desde alterações em modelos de documentos e procedimentos até criação de plataformas e novos produtos.

A previsão é que em maio ocorra nova rodada de conversas com parceiros.

A RNAI

Criada em dezembro de 2017, a Rede tem como objetivo fomentar ações de cooperação para promover o desenvolvimento, a tecnologia e a inovação entre os associados de todas as instituições, sendo eles empresas organizações públicas e privadas, universidades ou outras instituições.

Além da Abipti, são membros da Rede a Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei), Anjos do Brasil, Associação Brasileira de Startups (ABStartups), Associação Brasileira de Private Equity e Venture Capital (ABVCAP), Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e o Fórum Nacional de Gestores de Inovação e Transferência de Tecnologia (Fortec).

Com informações da Finep